Achado repentino

⊆ 17:44:00 by Aline Gallina | ˜ 2 ponto e vírgulas »

A cabeça pesa pela testa

e ouço um sussurro interno

de vida que existe em mim.

É um ato atmosférico –

seja lá o que quer dizer – ,

mas é um ato esférico,

longitudinal e repulsivo

de tanta rapidez e desconsolo

por ser um indivíduo,

que ouve sozinho

o som da televisão

e do ventilador de teto

quase despercebidos

por conta do meu coração

que: veja só! palpita fortemente

posso ver de fora,

ouvir de dentro

perco o fôlego

por ainda saber que existo

e resido em mim.


2 Responses to Achado repentino

  1. Ramon Alcântara Says:
    A gente perde e acha outra coisa em nós. O que nos transformou?

    abz
  2. Adriana Karnal Says:
    andei lendo várias coisas legais aqqui...

= Leave a Reply